• Jornal Abaixo Assinado

Ladrões de Toga: gatunagem e corrupção no Judiciário


Ladrões de Toga: gatunagem e corrupção no Judiciário

Wladimir Loureiro*

Advogando em causa própria: Todo dia vemos juízes aumentando os próprios salários e dando sentenças que favorecem a eles mesmos.

Lua em Áries: você vai ganhar uma boa grana na Justiça: Se você tiver um problema com a TIM, e entrar na Justiça, a maioria das decisões atualmente nega danos morais a nós. Porém, recentemente, um injustiçado juiz recebeu 20 mil reais de danos morais só por ter recebido cobranças de horóscopo por SMS.

Juiz Q e juiz TQQ: Há nos fóruns do Rio de Janeiro um jargão que esconde algo muito sério: juízes que não querem trabalhar. Um “juiz Q”, é um juiz que só comparece as quartas, um “juiz TQQ”, é um juiz que comparece as terças, quartas e quintas-feiras.

No conforto de casa: Além desse privilégio, todos os juízes têm a benesse de dois ou mais assessores pagos com nosso dinheiro para decidirem por eles.

Indústria do mero aborrecimento: Atos ilícitos graves, como fazer o consumidor ficar duas horas na fila do banco ou receber telefonemas de cobranças indevidas, eram punidos com indenizações há alguns anos. Hoje, os juízes evitam punir as empresas.

O crime compensa: Notaram como os serviços vêm piorando? É porque agir errado compensa, e as empresas têm um Judiciário leniente advogando por elas.

Não vale a pena: E para fazerem todas essas parvoíces, os juízes no Brasil ainda ganham, em média, 70 mil reais por mês. Enquanto os advogados ganham míseros 2 mil.

A meritocracia não explica: Muitas pessoas acham que os juízes merecem ganhar esse salário porque “estudaram pra isso”. Estudaram tanto quanto um advogado, e se negam indenização ao consumidor não deveriam nem ocupar o cargo.

Exemplo da Venezuela e dos Estados Unidos: Diferentemente do Brasil, esses países, por meio do voto popular, retiram o poder de juízes que não querem defender o povo.

Fazendo a sua parte: Vamos começar uma campanha nas redes sociais contra os abusos do Judiciário. Compartilhem e divulguem para os amigos a gatunagem que assola o Judiciário

*Advogado

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
jaajbr.png