• Carla Scott

EVENTO TIRA CAQUI É RECONHECIDO ATRAVÉS DE PROJETO DE LEI

No último dia 07 de outubro foi republicado na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, o Projeto de Lei que reconhece o evento Tira Caqui como de interesse cultural, social e ambiental para o Município do Rio de Janeiro. Este evento acontece todos os anos entre os meses de março e maio, em vários bairros do entorno do Maciço da Pedra Branca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.


A valorização deste evento fortalece a agricultura local. Os caquis são cultivados em sítios familiares em torno do Maciço da Pedra Branca na Zona Oeste do Rio de Janeiro. As atividades têm como objetivo proporcionar um espaço de conscientização e respeito à agricultura urbana, aproximando produtores, apoiadores e consumidores e possibilitando a troca de experiência e divulgação da produção de alimentos e da realidade social, cultural, ambiental e organizativa que existe em torno da agricultura urbana familiar no contexto do Rio de Janeiro.


O projeto de lei cita que apesar do município do Rio de Janeiro ser considerado como área totalmente urbana pelo plano diretor da cidade, a agricultura existe na cidade e os agricultores do Maciço da Pedra Branca estão entre os maiores produtores de caqui do estado. A maioria de produtores orgânicos e agroecológicos de Campo Grande, Vargem Grande e Pau da Fome (Taquara), cujas culturas são livres de agrotóxicos e adubos químicos, se reúnem, há anos, em torno de associações agrícolas, quilombos e movimentos de agroecologia.


O evento Tira Caqui já ocorre há dez anos, no dia 21 de abril, e proporciona o contato entre a população urbana e a realidade dos agricultores da Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, onde há um auxilio na logística que evita o desperdício dessa fruta sazonal.

Esta é uma forma de reconhecimento e valorização da organização e resistência dos agricultores da região. O evento é uma importante forma de geração de renda para as famílias agricultoras e abre espaço para a ampliação do agro turismo voltado à colheita e produção de alimentos de qualidade sem agrotóxicos.


Os autores do Projeto de Lei nº 239/2021 são os vereadores Chico Alencar, Dr. Marcos Paulo, Monica Benicio, Paulo Pinheiro, Tarcísio Motta, Thais Ferreira, William Siri e Rocal. A população da Zona Oeste agradece aos vereadores por essa iniciativa tão importante para as comunidades e agricultores locais.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
jaajbr.png