• Jornal Abaixo Assinado

DESEMPREGO NAS ALTURAS

Atualizado: 22 de Ago de 2021

Quase 13 milhões de desempregados. Mais um aumento da gasolina e do diesel.

Energia elétrica aumentou mais uma vez este ano. 61,6 milhões de inadimplentes em julho.


De acordo com levantamento mensal do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o desemprego no país alcançou a taxa de 12,3% no trimestre de maio a julho de 2018, o que representa 12,9 milhões de pessoas sem emprego.


Em comparação ao trimestre anterior, a taxa registrou queda de 0,6 ponto percentual. De fevereiro a abril de 2018, o percentual de desempregados era de 12,9%, e no comparativo com o mesmo trimestre de 2017, quando apresentou índice de 12,8%, também houve redução de 0,5 p.p.


As mulheres são maioria entre os desempregados: 51% são mulheres contra 49% de homens. A taxa de desemprego entre os jovens de 18 a 24 anos é mais que o dobro da taxa da população em geral (12,3%). Entre os jovens, o percentual salta para 26,6%.

Mais números sobre o desemprego no Brasil:

  1. Entre 25 e 39 anos, são cerca de 4,5 milhões de desempregados (34,6%).

  2. Entre 40 e 59 anos, o total de desempregados chega a 2,9 milhões (22,7%).

  3. A taxa de desempregados da população afrodescendentes é de 15%, a da parda, 14,4%, enquanto a da população branca é de 9,9%.

É necessário que a população se mobilize para mudar esse cenário, que esmaga os trabalhadores e os mais carentes. A luta continua para que os novos governantes efetivem propostas concretas que faça gerar milhões de vagas de empregos, principalmente para nossos jovens não se perderem no mundo do crime.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A CPI da Covid é o maior documento histórico produzido no Brasil sobre a pandemia. No futuro, poderemos consultar seus arquivos para entender como um governo desalmado foi respons

Está lá no bendito relatório da CPI da Covid que Bolsonaro atrasou a compra de vacinas, rejeitou o uso de máscaras, condenou as regras de isolamento, tentou a imunidade de rebanho, pregou o uso de rem

jaajbr.png