• Jornal Abaixo Assinado

Dúvidas Cotidianas da Língua Portuguesa: Traz ou trás?

O emprego das palavras homônimas “traz” e “trás”

Micheli Ferreira*

Nossa língua apresenta uma infinidade de palavras, sendo várias muito semelhantes. Assim, ao escrever, os falantes apresentam dúvidas. As palavras analisadas nesta edição fazem parte desse contexto.

Trás e traz são homônimas homófonas, isto é, possuem mesmo som; contudo, são heterógrafas (apresentam grafia diferente).

Traz é o verbo trazer conjugado na 3.ª pessoa do singular do presente do indicativo ou na 2.ª pessoa do singular do imperativo.

A palavra trás é um advérbio que indica lugar e vem sempre acompanhado por uma preposição.

Vejamos os exemplos:

Todos os dias, ele traz muitos materiais para o trabalho.

Quando ele me chamou, olhei para trás.

As crianças devem sentar sempre no banco de trás.

Observemos também a tirinha abaixo, do designer gráfico e ilustrador Gabriel Taranto, conhecido popularmente como Skedar.

Na frase “DINHEIRO NÃO TRAZ FELICIDADE. QUEM TRAZ É O GARÇOM”, foi empregado duas vezes o vocábulo traz. Ambas na 3.ª pessoa do singular do presente do indicativo.

Agora você já está apto a utilizar as palavras acima. Novas dúvidas surgirão, por isso é necessário pesquisar e se atualizar constantemente. Até a próxima edição!

*Professora e colunista do JAAJ

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
jaajbr.png