• Jornal Abaixo Assinado

As Escolas de Samba de Jacarepaguá no carnaval 2017

Uma boa disputa

Renascer ou União do Parque Curicica!

Tem que ser dessa vez! Nossas principais escolas de samba, Renascer e União do Parque Curicica, vão com tudo para ganhar o carnaval 2017. O sonho dos sambistas das duas agremiações é chegar ao Grupo Especial e desfilar ao lado das grandes escolas de samba do Rio de Janeiro.

Os desfiles da Série A acontecerão na sexta-feira de carnaval, dia 24 de fevereiro, e no sábado, 25 de fevereiro, no Sambódromo, com início às 22 horas e transmissão pela TV Globo. A vencedora passará a integrar o Grupo Especial em 2018. Já a última colocada do Grupo Especial descerá para a Série A.

GRES Renascer de Jacarapeguá

A vermelha e branca de Jacarepaguá será a sexta escola a desfilar no sábado de carnaval, dia 25 de fevereiro, pela Série A, no Sambódromo.

O enredo da Renascer de Jacarepaguá é “O papel e o mar”. Novamente o samba foi encomendado ao compositor Claudio Russo e seus parceiros Teresa Cristina e Moacyr Luz. A novidade é que o intérprete Diego Nicolau participou da composição do samba-enredo. O enredo vai promover um encontro fantasioso entre dois personagens negros, não contemporâneos, da cultura e da história do país: a escritora Carolina Maria de Jesus e João Cândido, o “Almirante Negro”, líder da Revolta da Chibata. O resgate da memória de ambos será mostrado na avenida por meio de um bilhete lançado ao mar dentro de uma garrafa.

GRES União do Parque Curicica


A União é a quinta a desfilar pela Série A, no Sambódromo, na sexta-feira, dia 24 de fevereiro.

O enredo da União do Parque Curicica, “O importante é ser feliz e mais nada”, uma criação dos carnavalescos Leandro Mourão e Vitor Mourão, se refere a nossa história de vida e sua relação com o tempo. Esse mesmo que insistimos em controlar. A ideia é reviver na avenida nosso baú de memórias lembrando dos tesouros da vida — carnavais antigos, bons livros, danças, alegria da infância, brincadeiras, bonecas, cubos mágicos, ursinhos de pelúcia, e tantos outros brinquedos. Quantas lembranças! No balanço das horas tudo pode mudar. O importante é ser feliz e mais nada! Esse é o baú da União. E agora, me digam: qual é o seu?

DEMAIS ESCOLAS DE SAMBA DA REGIÃO

GRES União de Jacarepaguá


A União de Jacarepaguá, situada no Campinho, traz o enredo “Os Retornantes”, uma ideia de Danilo Garcia e Vinicius, que o carnavalesco Rodrigo Almeida abraçou.

A União de Jacarepaguá é a terceira escola a desfilar pela Série C, na segunda-feira, dia 27 de fevereiro, na estrada Intendente Magalhães, Campinho.

GRES Unidos das Vargens


Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos das Vargens é uma escola de samba com sede em Vargem Grande. A Escola está confiante na vitória este ano com o enredo “Tem, Água, Fogo e Ar – Uma Explosão de Vida”, e com as belíssimas fantasias desenhadas pelo carnavalesco Lane Santana.

A Unidos das Vargens é a sétima escola a desfilar na segunda-feira, dia 27 de fevereiro, na estrada Intendente Magalhães, Campinho, pela Série C.

GRES Coroado de Jacarepaguá


Com sede na rua da Luz, bairro Cidade de Deus, o GRES Coroado de Jacarepaguá foi fundado em 20 de janeiro de 1972, como bloco. Desfilou alguns anos como bloco de enredo, até ser promovida à escola de samba, em 2014. No carnaval de 2017, o seu enredo, “África: religião de lá pra cá”, fala sobre as religiões tradicionais africanas, também referidas como religiões indígenas africanas, que englobam manifestações culturais, religiosas e espirituais originárias do continente Africano. E canta que muita gente pensa que o candomblé é uma religião africana, mas na verdade ele nasceu no Brasil, depois da união de diversos cultos africanos que foram trazidos da África para o país na alma dos negros que aqui chegaram. Enfim, o carnavalesco Wellington Silva mostra na avenida que os africanos quase sempre reconhecem a existência de um Deus Supremo ou Fonte Criadora que criou o Universo — esse Deus para os africanos é Olodumaré ou Olorun, Mawu, Nzambi ou Zambi.

O Coroado desfila no dia 27 de fevereiro, segunda-feira de carnaval, na estrada Intendente Magalhães, Campinho, pela Série C. È a 11a escola a desfilar.

GRES Mocidade Unida da Cidade de Deus


A Mocidade Unida da Cidade de Deus escolheu como enredo “Da Avenida Central à Rio Branco do Carnaval”, que exalta a av. Rio Branco, seu desenvolvimento, revitalização, acontecimentos e carnavais. Marco significativo na obra de urbanização do ex-prefeito Pereira Passos no início do século XX. Após pouco mais de 110 anos, a mesma avenida passa por uma nova reformulação, que faz parte do processo de revitalização da região central da cidade do Rio de Janeiro. O carnavalesco Guto Carrilho fará um “desfile pelo tempo”, dos bondes ao VLT, dos cortiços (do período anterior ao “Bota Abaixo” de Pereira Passos) à modernidade da Rio Branco dos tempos atuais.

A Mocidade Unida da CDD desfila no domingo, dia 26 de fevereiro, na estrada Intendente Magalhães, Campinho, pela Série D, e é a quarta escola a desfilar.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
jaajbr.png